África, Religiosidade e Preconceito


Da esquerda para direita:  Lizete Florenzano, Ronaldo Linares, Luciana Farias e Laura Lobo Foto: Federação Umbandista do Grande ABC

Um encontro especial marcou o Encontro Quinta de Histórias promovido pela Todos os Cantos, que aconteceu na sede da UNIPAZ, no último dia 31 de outubro de 2019 em São Paulo. Lizete Florenzano, aventureira que passou 3 anos em viagens pelo mundo, contou suas percepções sobre o povo da África e seus aprendizados de viajante. Entre fotos e fatos vivenciados, mostrou expressões de africanos que muito se assemelham aos brasileiros e concluiu sua fala apresentando as similaridades entre Brasil e África: “a alegria, o acolhimento, esse jeito brasileiro nosso de ser me pareceu muito mais africano do que as histórias brasileiras nos contam. Aprendemos na escola que nossa herança era mais europeia dos colonizadores, mas diante do que vi, acho que somos muito mais africanos do que imaginamos” concluiu Lizete.

A professora Luciana Farias leciona questões ambientais e étnico raciais na Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP em Diadema e compartilhou porque decidiu trabalhar com estas questões transversais na universidade. A partir de uma pesquisa sobre a umbanda, motivada pelo interesse de seu filho em frequentar a religião, ela surpreendeu-se em perceber que “o desconhecimento da maioria da população sobre esta religião é maior do que imaginamos”. Luciana concluiu isto a partir de sua própria experiência como pesquisadora na religião, ao perceber que a maioria dos conceitos que ela tinha sobre a religião de umbanda eram distorcidos, equivocados e preconceituosos. Decidiu, então, ampliar a visão dos estudantes sobre as questões étnico-raciais partindo assim para parcerias com instituições que pudessem receber os alunos para o intercâmbio de conhecimentos.

Babalaô Ronaldo Linares e Professora Luciana Farias – Foto: Federação Umbandista do Grande ABC

Dentre as estratégias utilizadas na aprendizagem, professora Luciana fez parceria com o Santuário Nacional da Umbanda para levar os estudantes uma vez por ano para conhecer o local e terem uma visão crítica mais apurada e tolerante, diante da diversidade cultural e religiosa do espaço. Essa parceria já está em seu quarto ano consecutivo. A riqueza da experiência unida aos estudos acadêmicos sobre as relações étnico-raciais geraram o livro Contribuições para uma educação não violenta que foi lançado na noite do evento.

Professora Luciana Farias e Babalaô Ronaldo Linares – Foto: Federação Umbandista do Grande ABC

Compartilhando estas e outras experiências como educadora, a Professora Luciana convidou o Babalaô Ronaldo Linares para o Encontro Quinta de Histórias, o qual apresentou uma visão geral sobre religiosidade e o preconceito.

Babalaô Ronaldo Linares – Idealizador do Santuário Nacional da Umbanda e presidente da Federação Umbandista do Grande ABC na UNIPAZ – SP  – Foto: Federação Umbandista do Grande ABC

Pai Ronaldo, como é carinhosamente chamado pelos seus filhos de fé, compartilhou os desafios de vencer os preconceitos e de compreender a Religião Umbanda. Contou como surgiu o Santuário Nacional da Umbanda, a partir da busca de religiosos das religiões de matrizes africanas em busca de um local tranquilo para fazer suas oferendas. Assim, ao encontrarem a região desertificada da antiga Pedreira Montanhão, passaram a frequentar o local. Ronaldo então, teve a ideia de transformar o local numa área exclusiva do povo de santo. Assim, após longos anos de reflorestamento e preservação, hoje o local é considerado a Meca dos Umbandistas e é visitado por pessoas de todo o mundo.

Quinta de Histórias na UNIPAZ – SP – 31.10.2019     Foto: Federação Umbandista do Grande ABC

Contou sua trajetória de vida desde seus aprendizados no Candomblé, como filho de fé de Joãozinho da Gomeia no Rio, até a sua mudança para a Umbanda, após conhecer o fundador Zélio de Moraes no Rio, que lhe incumbiu de divulgar sua obra.

O evento muito agradável e de ricas trocas, contou ainda com a fala de Laura Lobo, presidente da UNIPAZ, falou da felicidade de ter convidados tão especiais nesta noite de compartilhamento de saberes.

Laura Lobo – Presidente da UNIPAZ – Foto: Santuário Nacional da Umbanda

O vice presidente da Federação Umbandista do Grande ABC – FUGABC João Rodolfo Linares e sua esposa Maria Aparecida Linares, Relações Institucionais e Comunicação da FUGABC também estiveram presentes no evento e prestigiaram o lançamento da livro da Professora Luciana Farias.

Luciana Farias, Maria Aparecida e João Rodolfo Linares – Foto: Federação Umbandista do Grande ABC

 

Matéria também publicada no Jornal ICAPRA 121 do Rio de Janeiro, página 23. Para ver a versão digital clique aqui.

Galeria de fotos no evento, clique aqui.

Siga-nos nas redes sociais
error