Pesar pela morte de Bruno Covas


15ª Procissão de Xangô – Prefeito Bruno Covas e Babá Dirce P. Fogo, Dirigente Espiritual da Casa de Pai Benedito de Aruanda (Templo-sede FUGABC) Foto: FUGABC

O Prefeito de São Paulo Bruno Covas morreu neste domingo, 16 de maio de 2021, após 3 anos de luta contra o câncer. A Federação Umbandista do Grande ABC, em nome de seu presidente Babalaô Ronaldo Linares e toda a nossa família umbandista lamenta profundamente a perda deste grande gestor público, mas sobretudo, deste grande ser humano que era Bruno. Reconhecemos em Bruno um homem sensível, acolhedor, que sempre esteve participativo e atento as pautas de Inter religiosidade, direitos humanos e diversidade.

Reunião promovida pelo Vereador Quito Formiga com representantes da Umbanda (2019) Foto: Divulgação

Bruno recebeu com muito carinho e atenção a comunidade umbandista em 2019, para discussão da importância do reconhecimento da religião de Umbanda e ainda esteve presente na 15ª Procissão de Xangô no mesmo ano.

15ª Procissão de Xangô – Prefeito Bruno Covas, vereador Quito Formiga e Pai Engels de Xangô promotor do evento. Foto: FUGABC

Na ocasião, o prefeito Bruno destacou a importância do respeito à diversidade religiosa e enfatizou que São Paulo não iria tolerar nenhum tipo de intolerância: “Hoje estou aqui cumprindo o meu papel de representar o estado de São Paulo, na próxima semana estarei na Marcha para Jesus e depois na Parada Gay de São Paulo. Nosso estado precisa ficar conhecido como o estado brasileiro de maior tolerância e respeito a diversidade do país, aonde nenhum tipo de exclusão ou intolerância será aceito, assegurando assim nossa diversidade cultural e religiosa” afirmou Bruno.

Nossos profundos sentimentos de pesar e condolências à todos os familiares de Bruno Covas, nossa família umbandista envia sentimentos de fé e amor à todos. Que nosso Pai Oxalá o recebe no Orum com todo acolhimento merecido.

Babalaô Ronaldo Linares

Presidente da FUGABC

Siga-nos nas redes sociais